Skip to content

Perícia Médica do INSS por Depressão

A Perícia Médica do INSS por Depressão pode ser agendada no Instituto Nacional de Seguridade Social – INSS de forma rápida e segura.




A depressão é um tipo de doença psíquica e é caracterizada por emitir sintomas tipo apatia, desânimo, falta de interesse e uma tristeza profunda, dentre outros. Atualmente a depressão é uma das principais causas de afastamento no trabalho.

Portanto, para agendar sua Perícia Médica do INSS por Depressão você poderá ir presencialmente a um posto do INSS, Ligar no telefone 135 – que funciona de segunda a sábado, das 07 às 22 ou se cadastrar no site https://meu.inss.gov.br/central/#/. Ao fazer o agendamento você deve observar quais são os quesitos perícia médica depressão.

Para um melhor entendimento sobre perícia médica por depressão, detalharemos abaixo, as seguintes questões:

Perícia Médica do INSS por Depressão
Perícia Médica do INSS por Depressão

Como se comportar em uma Perícia Médica do INSS por Depressão





Ao agendar sua Perícia Médica do INSS por Depressão por um dos canais de atendimento listados acima, você deve ficar bastante atento para os quesitos perícia médica psiquiátrica depressão que são:

  • Chegar 15 minutos antes da hora marcada;
  • Ir acompanhado de pessoa maior de 18 anos;
  • Levar documentação pessoal tipo identidade, CPF, Carteira de trabalho e comprovante de residência;
  • Levar exames, atestados e relatórios médicos que ateste sua enfermidade e principalmente comprovantes de internações. 
  • Se estiver fazendo uso de medição, levar receituário.

Como os sintomas de quem tem depressão são a apatia, desânimo, falta de interesse e uma tristeza profunda, dentre outros, é de se esperar que você compareça sujo, despenteado e malvestido.




Não há necessidade de se camuflar assim diante do médico perito no momento de sua Perícia Médica do INSS por Depressão: Basta você ser verdadeiro, sincero nas suas queixas e apresentar a documentação exigida, que o médico irá lhe avaliar corretamente.

Portanto, esses são os principais quesitos para perícia médica depressão! 

Como Agir Em uma Perícia Médica Do INSS Por Depressão Para Ganhar Alta.

A depressão ou transtorno depressivo é chamada atualmente como a doença do século e uma das principais causas de afastamento do posto de trabalho.

Os principais sintomas são: humor triste, pessimismo, irritabilidade, perda de interesse ou prazer pela vida e dificuldade de concentração. 

Então, quando esses sintomas desaparecem de sua vida e você não precisar mais tomar remédios para que sua vida volte ao normal e você se sentir apto a retomar suas atividades, inclusive as laborais.

Você estará curado e poderá ter alta médica passando por um perito ou junta médica do INSS. 

Neste momento será importante levar um relatório de seu médico assistente, ou seja, do médico que lhe acompanha no seu dia a dia, atestando a veracidade de sua melhora.

Para a sua alta médica, a sua conduta deverá ser completamente inversa diante do médico da perícia de como se comportar na perícia médica por depressão!

Depressão e Perícia Médica

Benefícios Concedidos Pelo INSS Para Quem Sofre De Depressão!

Os benefícios concedidos após uma Perícia Médica do INSS por Depressão são os mesmos concedidos para qualquer tipo de afastamento por doença junto ao INSS.

A origem e o tempo de duração da doença tipo depressão é que vai caracterizar se será o benefício auxílio doença, benefício auxílio acidente ou uma aposentadoria por invalidez. 

Os benefícios concedidos irão variar de acordo o tempo, duração e consequências geradas pela doença.

Portanto, depressão e perícia médica junto ao INSS não são mais tabus. Entre no site https://meu.inss.gov.br/central/#/ e usufrua de todas as informações com segurança!

Auxílio Doença Para Depressão Grave, Qual Valor?

Após fazer Perícia Médica do INSS por Depressão e saber se você terá direito ao auxílio doença por conta de depressão, será exigido uma carência junto ao INSS de no mínimo 12 meses de contribuição.

O cálculo do valor do auxílio doença a ser pago, é realizado pela média dos últimos 12 salários de contribuição do segurado levando em conta todas as remunerações variáveis, como, por exemplo, as horas extras e comissões recebidos durante a relação de trabalho. O auxílio doença jamais poderá ser menor do que o salário mínimo.

Espero que este artigo tenha lhe ajudado a ver como é simples o agendamento de sua perícia médica por depressão junto ao INSS. Não perca Tempo!  Aproveite e acesse nosso blog → Guia de Previdência Social e veja outros artigos.