Skip to content

Saiba o que falar na Perícia Médica!





Se você está inseguro a sobre o que falar na perícia médica para obter um determinado benefício do INSS, este artigo foi feito para te ajudar e tranquilizar a respeito de como agir, o que fazer e tudo mais.

Aqui, apresentaremos 3 dicas essenciais para passar na perícia, além de explicitar o que necessita ser dito no dia (sem enrolações ou blá, blá, blá!).




Também explicaremos o porquê da necessidade de apresentar receitas e laudos médicos e porque são essenciais. Para saber isso tudo e ainda mais, além de não ter nenhum problema no dia da sua perícia do INSS, fique atento ao artigo a seguir!

Perícia Médica
Perícia Médica

O que Falar na Perícia Médica?





É comum ficar nervoso e ter medo do que dizer (ou até acabar falando demais) no dia da perícia médica exigida pelo INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Primeiro, é importante lembrar que a perícia médica existe para que um médico ou profissional da saúde possa constatar que há, de fato, algum fator que impossibilite o indivíduo de exercer sua atividade de trabalho definitiva ou temporariamente.

Caso a constatação aconteça, o paciente terá direito a receber o benefício por incapacidade a que está dando entrada.

Dentre os benefícios que requerem que a perícia seja realizada estão: auxílio acidente, aposentadoria por invalidez e auxílio doença. Não há benefício por incapacidade que não exija que a perícia seja feita, afinal, ela é obrigatória.

Pois bem, no dia da perícia médica é muito importante que o indivíduo esteja calmo e tranquilo.

Uma boa dica é ser respeitoso e cordial com o médico e responder apenas ao que ele pergunta, não tentar falar demais para provar que está doente, pois isso pode atrapalhar em vez de ajudar.

Para mais dicas sobre o que falar na perícia médica do INSS, continue lendo o artigo!

Quais Documentos Levar para Perícia do INSS?

É imprescindível a apresentação de alguns documentos para que a perícia do INSS seja realizada, portanto tenha os documentos listados a seguir em mãos no dia agendado para não correr riscos!

  • Documento de identificação oficial com foto atual (pode ser RG, CNH ou outro);
  • Número do CPF;
  • Carteira de trabalho, carnês de contribuição e todos os documentos que comprovam pagamento do INSS;
  • Documentos médicos decorrentes do tratamento, como atestados, exames, relatórios e outros para serem analisados no dia da perícia;
  • Para o empregado: declaração assinada pelo empregador, informando a data do último dia trabalhado antes do acidente;
  • Comunicação de acidente de trabalho (CAT), se for o caso;
  • Para o segurado especial (trabalhador rural, lavrador, pescador): documentos que comprovem esta situação, como contratos de arrendamento, ou outros.

3 Dicas de Como Passar em Perícia Médica!

Está nervoso para o dia da perícia médica do INSS? Não sabe o que dizer? Como agir? O que fazer?

Separamos três dicas para te ajudar no dia da perícia. Confira!

Além das primeiras dicas, de responder somente àquilo que o médico pergunta e o tratar com respeito, é importante ter em mãos todos os documentos listados acima.

Também escolha com cuidado as roupas e acessórios que for usar no dia da perícia caso seu problema seja relacionado a ansiedade e depressão, pois elas podem passar uma ideia errada para o perito, que não conhece seu caso a fundo e pode se influenciar por elas.

A última dica é levar todos os laudos médicos, receitas de remédios tomados para amenizar a dor e exames. Saiba o porquê no tópico seguinte.

Pericia medica conclusiva

Receitas e Laudos Médicos, Porque são Fundamentais?

As receitas e laudos médicos têm papel fundamental para passar na perícia médica do INSS.

Isso acontece pois elas são uma evidência real e científica do estado de saúde em que o beneficiário se encontra. Um voto de verdade para o médico que está realizando a perícia.

Além disso, é uma forma do perito acompanhar e entender todo o quadro clínico do paciente, saber há quanto tempo possui a doença, o quão grave ela é, etc.

Para ainda mais dicas acesse o site Guia de Previdência Social e, confira o vídeo a seguir: